quarta-feira, 2 de novembro de 2011

há um sentimento de desperdício aqui que se transforma em um estímulo para a vida. daqueles choques e tapas que você tem que se dar de vez em quando pra despertar.

3 comentários:

Isama Hali disse...

Tem tapas que às vezes a gente até implora pra receber.

Rita Loureiro disse...

Me dá um tapa? que nem aquele que te dei em BH? tou precisando MUITO ^^

Rita Loureiro disse...

Eu achei tão bonita a primeira frase do texto. É verdade, o desperdício também me leva a querer viver mais intensamente. creio que cansei de "desperdiçar" o desperdício...vamos aproveitá-lo para acordar :)